Alergia às Proteínas do Leite de Vaca: Uma Nova Era
Cow’s Milk Allergy: A New Era

Mário Morais-Almeida

Conteúdo do Artigo Principal

Resumo

A alergia às proteínas do leite de vaca apresenta uma prevalência, gravidade e persistência crescentes. A dieta de evicção é difícil de cumprir e as reações adversas potencialmente graves associadas à ingestão acidental do alimento são frequentes. Discute-se o caso clínico de uma criança de seis anos com história pessoal de alergia às proteínas do leite de vaca desde os três meses de vida, com vários episódios de anafilaxia por ingestão acidental de leite de vaca. Aos quatro anos foi submetida, com sucesso, a protocolo de indução de tolerância ao leite de vaca, permitindo-
lhe atualmente uma dieta livre. Esta estratégia terapêutica mostra-se revolucionária por permitir modificar a história natural da alergia às proteínas do leite de vaca grave e persistente, com impacto muito positivo na qualidade de vida dos doentes e da sua família.

Palavras-chave: Criança; Hipersensibilidade a Leite; Proteínas do Leite/efeitos adversos

Detalhes do Artigo

Como Citar
Garcia, F., Mota, I., Piedade, S., & Morais-Almeida, M. (2016). Alergia às Proteínas do Leite de Vaca: Uma Nova Era. Gazeta Médica, 3(1). https://doi.org/10.29315/gm.v3i1.8
Secção
CASOS CLÍNICOS