Insulinoma: Uma Causa Rara de Hipoglicemia
Insulinoma: A Rare Cause of Hypoglycemia

Cláudia Matta-Coelho - Autor Correspondente
Ana Margarida Monteiro
Olinda Marques

Conteúdo do Artigo Principal

Resumo

O insulinoma é o tumor neuroendócrino pancreático funcionante mais frequente. A apresentação clínica variável pode mimetizar outras patologias. Doente do sexo feminino, 61 anos, com vários episódios de alteração do comportamento. Num desses episódios verificou-se hipoglicemia. O estudo etiológico revelou valores inapropriadamente elevados de insulina e peptídeo-C, compatíveis com hiperinsulinismo endógeno. Apesar da tomografia computadorizada, ressonância magnética e cintigrafia dos recetores de somatostatina não revelarem nenhuma lesão, a ecoendoscopia demonstrou uma formação nodular infracentrimétrica pancreática cujo diagnóstico citológico foi concordante com insulinoma. A doente foi submetida a excisão da lesão e mantém-se sem queixas. Salientamos a apresentação clínica inespecífica e a pequena dimensão da lesão, o que pode levar a um hiato temporal significativo entre o início da sintomatologia e o  tratamento.


Recebido: 02/06/2017 - Aceite: 27/10/2017

Palavras-chave: Hipoglicemia/etiologia; Insulinoma

Detalhes do Artigo

Como Citar
Matta-Coelho, C., Monteiro, A., & Marques, O. (2018). Insulinoma: Uma Causa Rara de Hipoglicemia. Gazeta Médica, 4(4). https://doi.org/10.29315/gm.v4i4.87
Secção
CASOS CLÍNICOS

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)